Uma mulher de 59 anos que preferiu não ser identificada estava desesperada na delegacia de Polícia Civil de Cascavel. Ela foi vítima do golpe do bilhete premiado. Segundo a vítima, na quarta-feira (3), uma mulher a abordou pedindo algumas informações e logo em seguida, chegou um rapaz e se identificou como advogado. Os dois conversaram com a mulher e falaram que estavam com um bilhete premiado. 


 O valor do bilhete era mais de R$ 1 milhão. Só que para fazer a retirada do dinheiro, eles precisam de algumas pessoas para poder transferir o valor. Eles conseguiram induzir a mulher a entrar no falso esquema, mas precisava que ela retirasse o valor que estava na conta dela. Que no caso, foram retirados R$ 34 mil da vítima A mulher se sentiu humilhada, até porque o valor que estava no banco era herança que o marido tinha deixado para os filhos. 

 A Polícia Civil deve investigar o caso. Câmeras de segurança das agências bancárias devem ajudar na identificação dos estelionatários. O autor do crime se identificou como Tiago e o número de telefone dele cai na caixa postal(CGN).
Um empresario toledano morreu esta madrugada, em acidente na BR 467, em Toledo.O acidente ocorreu  à 1h28, defronte a Globo Aves, na saída para Cascavel, no Pinheirinho.

O veículo Voiage AWW-5359 capotou e o motorista morreu no local.O corpo de  Lauro Mekelburg, 38 anos, foi encaminhado ao IML.

Casado, o empresário seria proprietário de uma farmácia, na Avenida Parigot de Souza, próximo a rodoviária(Foto: reprodução do Facebook).


Um bebê que tinha completado um ano a poucos dias morreu dentro de um carro em Foz do Iguaçu nesta sexta-feira (5). Segundo as primeiras informações, a mãe teria esquecido o filho no veículo. Durante todo o dia, fez muito calor na cidade e as temperaturas passaram de 30º. 

 No momento em que a mulher retornou para a casa, o marido foi ajudar a retirar o filho do carro e viu que o bebê estava inconsciente. O Samu foi acionado e rapidamente encaminhou a criança ao hospital, mas ela não resistiu. O laudo do hospital Padre Germano Lauck aponta para uma suspeita de asfixia. 

No entanto, a causa só poderá ser confirmada pelo IML (Instituto Médico Legal). O casal tem mais dois filhos, de três e seis anos. A mãe deve prestar depoimento na delegacia de Foz. O corpo de criança foi encaminhado ao IML. Segundo a Polícia Civil, as investigações já iniciaram na 6ª S.D.P, e serão realizadas com todo o cuidado que o caso requer, e pelo fato da mãe estar internada em estado de choque, será ouvida em momento oportuno, após sua recuperação.

 A Polícia informa ainda que, não há pior pena que a perda de um filho nestas circunstâncias, e se solidariza com a dor da família neste momento(Guia Medianeira).
Uma equipe do Corpo de Bombeiros de Marechal Cândido Rondon e uma ambulância de Mercedes foram acionadas na tarde desta sexta-feira (5), por volta das 16h00 para atender uma ocorrência na Linha Sanga Mineira, interior de Mercedes.

Segundo informações coletadas no local, um homem identificado como Marcelo de 38 anos, estava trabalhando com um trator arrancando troncos de árvores com um cabo de aço. Em determinado momento, na tentativa de retirar um tronco de uma árvore, o trator acabou empinando e tombando sobre a vítima. Ele ficou preso embaixo do trator e acabou sendo esmagado.

 Na tentativa de socorrer à vítima a ambulância e a equipe do Corpo de Bombeiro estiveram no local mais infelizmente constataram o óbito. Marcelo era ex-morador de Nova Santa Rosa, mas atualmente residia com o sogro em Sanga Mineira. O IML de Toledo foi acionado para fazer a remoção do corpo(Marechal On Line)
Após a prisão do delegado Rubens Recalcatti e dos outros seis investigadores da equipe dele ser revogada, a defesa fez duras críticas no final da tarde desta quinta-feira (4) a atuação do Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco), do Ministério Público do Paraná (MP-PR). De acordo com o advogado Cláudio Dalledone, o Gaeco está estabelecendo um ‘revanchismo’ contra os policiais, o que fará com que a defesa entre com representação no Conselho Nacional do Ministério Público. “Eles estão estabelecendo um precedente perigoso, porque infelizmente estão abrindo um revanchismo contra a Polícia Judiciária e contra a Polícia Militar. Isso beira o absurdo. Eles tratam algo sério em infantil e tem desencorajado os policiais. Estamos vivendo um ataque do crime organizado e bandido não tem mais medo. Questionamos se é isso que o Gaeco quer”, disse Dalledone. 

 Recalcatti foi solto poucas horas após a Corregedoria Geral da Polícia Civil (CGPC) cumprir alguns mandados de prisão preventiva expedidos pela Justiça de Rio Branco do Sul, na região metropolitana de Curitiba. O delegado se apresentou no Centro de Operações Especiais (Cope), mas logo foi liberado. Ele e equipe são acusados de participação no homicídio qualificado de um homem que teria envolvimento na morte de João da Brascal, ex-prefeito de Rio Branco do Sul e primo do delegado em abril de 2015. 

 Em entrevista coletiva, ele afirmou que não cometeu nenhuma fraude processual e que estava cumprindo mandados de crimes contra o patrimônio, divisão que ele comandava. “Quando a promotora expediu a prisão, ela cometeu um grave erro, porque os mandados que estávamos cumprindo estava no mesmo fórum. Infelizmente quem estava envolvido em vários crimes morreu em confronto e ocasionou tudo isso”, garantiu. 

 O caso - Nove pessoas foram denunciadas pelo MP-PR pela morte de Ricardo Geffer, ocorrida em abril de 2015. De acordo com a denúncia, Geffer foi morto após ser preso pela equipe de Recalcatti. O delegado havia sido preso pelo Gaeco em outubro, na Operação Aquiles, quando comandava a Divisão de Crimes Contra o Patrimônio (DCCP). 

 A denúncia do Gaeco é baseada em um laudo do Instituto Médico-Legal (IML) que aponta que Ricardo Geffer, suspeito de matar Brascal, foi morto por oito tiros, sendo que um deles na parte superior do crânio, de cima para baixo, fazendo com que a bala saísse por uma das têmporas. Solto, Recalcatti segue afastado da Polícia Civil até o término das investigações. A morte de Brascal aconteceu no dia 12 de abril de 2015, já a do suspeito no dia 28 do mesmo mês(Banda B - Foto: Flávia Barros)
Por volta das 19h50, a equipe da ROTAM após informações anônimas que um Fiat Uno, de cor azul, estaria transitando em atitude suspeita pela rodovia BR 467, abordou o veículo no viaduto nas proximidades de uma empresa. O veículo era ocupado  por 4 indivíduos, tendo como o condutor a pessoa de M. C. R. 23 anos, e os caronas N. L. L. 20 anos, N. L. L.,18 anos, e J. A. D. 19 anos.

Em busca no veículo, foi localizado embaixo do banco do motorista, uma arma de fogo, tipo revólver, calibre 38 marca Taurus, municiado com 5 munições intactas. Ainda em buscas no interior do veículo foi localizada uma porção de substância entorpecente análoga à maconha, pesando aproximadamente 3,76 gramas, fracionadas em pequenos pedaços e uma bucha de substância entorpecente análoga à cocaína, pesando aproximadamente 0,86 grama.

Jonathan assumiu a propriedade da arma, e que a droga era para o consumo de todos. Diante dos fatos foi dado voz de prisão aos indivíduos e encaminhados no 19º BPM para confecção de boletim de ocorrência e posteriormente à 20ª SDP procedimentos legais e cabíveis.
Um veículo Honda Civic bateu em um poste após o condutor fugir da abordagem policial, no inicio da madrugada desta sexta-feira (05). Policiais militares de Cascavel estavam em patrulhamento pela Rua Clodoaldo Ursulano, no Bairro Santa Felicidade, e ao tentarem abordarem o veículo que chegava a uma residência, o motorista empreendeu fuga.

Após um acompanhamento tático dos policiais, o condutor só parou após bater no poste e no muro da residência, já na área rural de Santa Tereza do Oeste. De acordo com os policiais, o carro foi roubado na tarde desta quinta-feira (04), no Jardim Panorama, em Toledo. Na ação dois rapazes sendo um deles armado com pistola, rendeu o dono do carro e deu voz de assalto fugindo com o veículo. 

 Após a batida, o motorista ainda conseguiu fugir dos policiais por um matagal. O carro já estava com as placas falsas. O Civic foi encaminhado ao pátio da 15ª SDP (Subdivisão Policial) de Cascavel, para ser entregue ao proprietário. Policiais militares do BPFron (Batalhão de Polícia de Fronteira) também deu apoio na ocorrência(catve.com).
A contratação do posto de combustíveis do irmão e da cunhada para atender o Município rendeu uma ação civil pública por ato de improbidade administrativa contra ao ex-prefeito (gestões 2004-2008 e 2008-2012) de Nova Santa Rosa, no Oeste paranaense. A ação foi apresentada pela 1ª Promotoria de Justiça da Comarca de Marechal Cândido Rondon, que detém atribuições na área de Proteção ao Patrimônio Público. 

 Além do então gestor municipal, são requeridos na ação o posto beneficiado, seus dois proprietários e uma servidora integrante da comissão de licitação que teria favorecido a empresa (coincidentemente, também irmã do ex-prefeito). O Ministério Público do Paraná apurou que o posto teria recebido R$ 2.136.594,50 entre 2005 a 2013, época em que ficou responsável pelo fornecimento de combustível à prefeitura de Nova Santa Rosa. 

O MP-PR destaca que nesse período a empresa dos parentes do então prefeito foi vencedora de 21 licitações. Além da condenação de todos por ato de improbidade – o que pode levar a sanções como perda da função pública, suspensão dos direitos políticos, proibição de contratar com o poder público, devolução dos valores recebidos indevidamente e multa –, a Promotoria de Justiça requer que seja declarada a nulidade de todos os contratos firmados entre o Município de Nova Santa Rosa e o posto.
Por volta das 18h15 de ontem, a  Polícia Militar  foi acionada para deslocar até a Rua da Igreja, Vila Pioneira, onde o solicitante G.C.C., relatou que enquanto se encontrava em sua residência, teria sido ameaçado por sua companheira  M.M.V e duas amigas dela. O fato, segundo ele, ocorreu  por conta de uma suposta traição que sua companheira alegou que ele teria cometido.

O solicitante disse ainda que sua companheira o teria agredido com um pedaço de madeira, e que ele teria fugido até a casa de uma parente, onde teria sido perseguido pela sua companheira e amigas dela, que o ameaçavam de morte. Foi realizado patrulhamento com intuito de localizar as autoras de tais fatos, no entanto não foram localizadas.

Diante dos fatos, a vítima foi  orientada quanto aos demais procedimentos legais cabíveis junto a polícia judiciária.
Por volta das 16h desta terça-feira (02), a Policia Militar de Assis Chateaubriand foi solicitada a comparecer na Rua Vale do Piquiri, onde no local a Senhora de iniciais F. R., relatou que foi abordada por um casal, o qual efetuou promessa de dividir um bilhete premiado e para isso a mesma teria que arrumar a quantia de R$ 1.000,00. 

 A mulher deslocou até uma agência bancaria onde efetuou o saque e entregou o referido valor para o rapaz. Sendo que a mulher que o acompanhava ficou em um veículo e não sabe precisar marca ou modelo. A vítima relatou ainda que pediram para a mesma deixasse o relógio de pulso e o celular. 

 O rapaz pediu para que a senhora F. aguardasse próximo ao banco que logo retornaria com o valor prometido. Passados horas e o mesmo não voltou, a senhora se deu conta que havia caído em um golpe. Foi efetuado diligencias pela PM no intuito de localizar os estelionatários, porém sem êxito. (Fonte: Rádio Jornal/PM – Reportagem e Foto: Léo Silva).
Uma mulher e um homem foram flagrados fazendo sexo oral no estacionamento, ao lado de uma via pública, no bairro Claudete em Cascavel, no Paraná. As câmeras de monitoramento da distribuidora de bebidas registraram toda a ação, mas ninguém foi preso. As imagens circularam nas redes sociais e o que chamou a atenção é a desinibição do casal que pratica o ato sexual, a luz do dia e bem ao lado da rua Jorge Lacerda, uma via de grande movimento. 

 Eles conversam como se combinassem algo. Na sequência, os dois saem, mas reaparecem. De repente o homem abre o zíper e ela faz sexo oral nele por mais de um minuto. Os dois não se importam com a passagem de pessoas pela rua. Nem mesmo o fato da região ter diversos prédios de moradias. 

Uma cliente que deixou o local denunciou o fato assim que saiu dali. Em contato com o empresário responsável pelo estabelecimento, ele reconhece o fato, e ainda analisa que medidas judiciais serão tomadas. No Brasil, transar em local público é considerado crime de ato obsceno. O procedimento prescrito pela lei diz que, ao ser flagrado pela polícia, o casal será levado à delegacia. A pena é de no mínimo três meses e no máximo um ano(Catve).
Uma morte foi registrada no começo da tarde de ontem na região do Bairro Alto Alegre, em Cascavel. A vítima foi um rapaz de 23 anos de idade. Socorristas e médico de plantão do Siate foram mobilizados para atenderem Douglas da Silva Ferreira, mas nada pode ser feito. 

 O jovem foi atingido por disparos de arma de fogo, ao reagir a uma abordagem policial. Segundo as informações, a equipe da Polícia Militar teria ido a residência cumprir um mandado de prisão. Quando os policiais do Serviço Reservado chegaram, Douglas estava com uma pistola na mão e teria apontado a arma na direção dos policiais militares, que atiraram. 

 Além do mandado judicial por homicídio, Douglas tinha um segundo mandado pelo crime de tráfico de drogas. O rapaz foi atingido por dois disparos de arma de fogo. O local do crime foi isolado. O Instituto Médico Legal (IML) foi acionado para recolher o corpo(CGN).
Um casal do Paraná foi preso pela Polícia Rodoviária Federal, ontem (1º), na Rodovia Régis Bittencourt, em Registro (SP), transportando 7.540 quilos de entorpecente em um caminhão com placas de Umuarama. Essa foi a maior apreensão de maconha em rodovias paulistas e a maior do país este ano, considerando apenas as apreensões da PRF. Os policiais rodoviários faziam patrulhamento pelo trecho urbano da rodovia, quando decidiram abordar o caminhão, que era conduzido por um motorista profissional de 27 anos, acompanhado de sua namorada, uma jovem de 23 anos. 

 Ao vistoriarem a documentação da carga, os PRFs suspeitaram do caminhão, pois as oito toneladas de papelão para reciclagem, que seriam transportadas entre duas cidades do Estado do Paraná, estava trafegando por Registro/SP, portanto, fora do seu itinerário. Neste momento, o caminhão foi conduzido à Delegacia da PRF de Registro. 

Com o apoio de um caminhão muck e funcionários da concessionária da rodovia, os PRFs identificaram, dentre os fardos, vários recheados com maconha. Questionado, o casal apenas admitiu que pegou a carga em Campo Largo/PR e que iria para São Paulo, possivelmente o entorpecente abasteceria o Carnaval da capital paulista. Após o registro da prisão em flagrante, por tráfico de entorpecente, o casal foi recolhido ao sistema carcerário da região. O caminhão, a carga de papelão e a maconha foram apreendidos. 

O caminhão, avaliado em R$ 112 mil, deverá ser leiloado e os recursos revertidos em favor do Fundo Nacional Antidrogas. Se condenado, o casal poderá ficar preso de 5 a 15 anos. Os nomes dos detidos não foram divulgados. A Polícia Rodoviária Federal também não confirmou se o casal é de Cascavel, conforme informações que foram repassadas inicialmente para a CGN(Fonte: CGN).
Por volta do meio dia de ontem uma equipe da Policiai Militar em patrulhamento pela rua Gisela Merlin Leduc, foi abordada por João Inácio Hoffmann que relatou que na madrugada de segunda feira teve sua loja arrombada em Cafelândia, onde foram furtados vários objetos, e também seu veículo Strada placa AYK7326 de cor vermelha.

Na manhã de  ontem um funcionário da empresa Bombonato havia ligado ao proprietário informando que seu veículo estaria abandonado na Rua Julio Verner com Avenida  Nossa Senhora de Fátima em frente ao numeral 1440, na cidade de Toledo. O senhor João deslocou-se até a cidade de Toledo, no endereço repassado e constatou o fato. 

 A equipe esteve no local consultou a placa e constatou o alerta. Do veículo, segundo o proprietário, foram levados o aparelho de som, o quit obrigatório e o estepe. Diante dos fatos o veículo e o proprietário foram encaminhados ao 19ºBPM para confecção do boletim e posteriormente encaminhados à 20 SDP para as providencias cabíveis
Na madrugada desta quarta-feira(03)  uma equipe da Rotam de Toledo estava em patrulhamento afim de coibir possíveis crimes como roubo de veículos e verificou o veículo JZN-9035, de Campo Verde/MT, trafegando pela rodovia BR 369, em atitude suspeita com cinco indivíduos dentro. A equipe iniciou o acompanhamento vindo a abordar o veículo já dentro dos limites do município de Corbélia. 

Na revista pessoal nada foi localizado, porem o condutor B. S. Z., ao ser questionado, informou que o veículo era de uma pessoa do estado do Mato Grosso e que havia comprado há algum tempo. Após ser feito uma revista minuciosa no veículo foi constatado que o chassi do documento não era condizente com o gravado no veículo.

Diante disto foi consultado o chassi gravado no veículo  e o mesmo se encontrava no alerta de veículos como sendo roubado na data de 26 de janeiro deste ano em Corbélia. Também foi localizado no veículo uma porção de substância análoga a maconha, pesando 1.4 gramas. Diante da situação foram todos encaminhados a 49º SDP de Corbélia para os procedimentos cabíveis. 

Na sede da companhia foi verificado que  Moisés Garcia Fonseca, possuía em seu desfavor um mandado de prisão. Na carteira de um dos abordado, foi localizado uma carteira de habilitação de E. F., a qual havia sido roubada alguns dias atrás na cidade de Corbélia, em roubo em que quatro elementos adentraram a residência e fizeram a família de refém, sendo que o indivíduo chamado de M. G.F., foi reconhecido pela vítima como sendo autor do fato.
Três veículos  furtados foram localizados ontem em Toledo. No início da manhã  na Rua da Piscina foi encontrado um GM Monza cor verde, placas BVP 9223. Em consulta nos sistemas operacionais o mesmo encontrava-se com alerta de furto/roubo. Diante dos fatos o veículo foi encaminhado a 20ª SDP e encontra-se a disposição do proprietário. 

Por volta das 09h20, a equipe do setor Sul em patrulhamento pela Rua Amélia Gasparim Longhi, Santa Clara IV, se deparou com um veículo Fiat Uno de cor verde, placas AGA 5334 abandonado. E em consulta nos sistemas operacionais, foi constatado que o mesmo possuia queixa de furto/roubo. 

Às  12h30 a equipe do setor Centro deslocou até a rua Martim Reck, bairro Bom Jesus, para verificar uma denúncia de um veículo VW/Gol de cor vermelha, placas IIZ 32078, abandonado. Em consulta ao sistema operacional o mesmo possuía alerta de furto/roubo. Diante da veracidade dos fatos, o veículo foi encaminhado pela equipe para a 20ª SDP para procedimentos legais.
Quatro ocupantes de uma carreta morreram após o motorista do veículo perder o controle da direção, sair da pista e capotar na manhã deste domingo (31), na altura do Km-23 da BA-265, próximo ao Anel Rodoviário Jadiel Matos, em Vitória da Conquista, no sudoeste da Bahia. Hernandes Narciso Mariano, de 32 anos, Meire Cristina Silva, e os filhos do casal, Gustavo e Davi, eram moradores em Joaquim Távora. 

De acordo com informações da Polícia Rodoviária Estadual (PRE), o condutor de uma moto que passava pelo local no momento do acidente se assustou com o capotamento da carreta e caiu da moto junto com o carona. Os dois tiveram ferimentos leves. Uma equipe do Corpo de Bombeiros esteve no local do acidente e realizou o trabalho de retirada dos corpos, que ficaram presos nas ferragens da carreta. 

 As vítimas serão veladas e sepultadas em Joaquim Távora. No entanto, conforme a família, ainda não há previsão para a chegada dos corpos ao município(CGN/Ta no Site)
Morreu na madrugada de domingo (31) no Hospital Bom Jesus de Toledo, o jovem Diego Fermino da Silva, de 19 anos de idade. Seu corpo foi encaminhado no início da manhã para o instituto médico legal e depois liberado para a família que reside em Guaíra. 

Diego foi baleado no dia 16 de dezembro do ano passado, quando foi atingido no ombro e na nuca. Na ocasião, um grupo de jovens estava na área de uma casa, no distrito de Oliveira Castro. Duas pessoas encapuzadas se aproximaram e efetuaram vários disparos de arma de fogo. Todos correram para os fundos da residência, sendo que somente Diego que estava de costas foi atingido. 

Na sequencia os atiradores se evadiram a pé tomando rumo ignorado e não foram identificados. Diego Fermino da Silva foi socorrido e encaminhado para atendimento medico em Guaira. O jovem estava em estado de coma e foi transferido no mesmo dia pelo SAMU para o Hospital Bom Jesus de Toledo. Depois de um longo período no Hospital, ele não resistiu e acabou morrendo(radioeducadora.com).
Por volta das 23h deste sábado (30), a equipe da ROTAM durante patrulhamento pela Rua Willy Tesch, no Jardim Panorama em Toledo, avistou o veículo Toyota Hilux CD 4x4, placas de Toledo, sendo abordados os ocupantes a Polícia precisou usar de força já que resistiram a abordagem. Os dois indivíduos foram identificados como Cleiton Fernando da Luz Borges de 23 anos, e o passageiro Marcos Eduardo da Silva de 32 anos. D

entro do veículo foram localizadas duas toucas bala clavas, preta e outra de cor cinza, bem como um par de luvas. Quando questionados sobre a procedência do veículo, entraram em contradição não sabendo informar quem seria o proprietário, bem como endereço do veículo. Os policiais encontraram ainda com os suspeitos a quantia de aproximadamente R$ 1.200,00, dois relógios de pulso sendo um oriente e outro Technos, bem como dois celulares Samsung, um modelo duos e outro S4, cabíveis.

A camionete havia sido tomada de assalto, na Rua Coronel Vicente, no Jardim La Salle. Um casal foi levado como refém e libertado na BR 467(Foto: Catve)


Ontem (29), por volta das 22h30, a Polícia Rodoviária Federal posto de Quatro Pontes, atendeu um acidente no km 287, nas proximidades de um posto de combustíveis, no perímetro urbano da BR-163 em Marechal Rondon.

Segundo informações, o condutor de uma CG, placa AKY-4301, atingiu um ciclista que trafegava às margens da rodovia. Com o choque o homem de 65 anos sofreu queda e foi socorrido pelo Samu de Marechal Rondon e encaminhado a Unidade de Saúde 24 horas para atendimento. ]

O condutor da moto aparentava sinais de embriagues, sendo feito o teste do bafômetro que apontou 1,16 mg de álcool no sangue. O rapaz foi detido e encaminhado para Delegacia de Polícia Civil de Marechal Rondon.

 O ciclista não resistiu aos ferimentos e faleceu. Ele foi identificado como, Alfonso Herdt, 65 anos. Seu corpo encaminhado para uma funerária para posterior liberação a família(radioeducadora.com)
Policiais Militares atenderam a uma ocorrencia de ameaça entre duas vizinhas na Rua Ricieri Vanzella no Jardim Pasquali. A solicitante relatou ter sido ameaçada pela sua vizinha  e que as ameaças se deram devido acusá-la de tê-la traído com seu marido. Ela disse que na data de ontem quando veio em sua residência para tratar os cães, foi ofendida com palavrões e dizendo "se você passar em frente a minha casa novamente eu te mato”".

Em conversa coma agressora, esta relatou que há aproximadamente 30 dias descobriu uma traição envolvendo seu marido com sua vizinha e que desde  então  começaram as desavenças. Diante dos fatos e da intensão de representar, ambas as partes foram encaminhadas até o 19º BPM para confecção do BO, e posteriormente até a 20º SDP para os procedimentos cabíveis.